• Maria Silvana Alves

UM INSTRUMENTO QUE PODE OTIMIZAR A LEITURA


Em nosso idioma, no ato da leitura, nossos olhos realizam um movimento sacádico acompanhando as linhas no sentido da esquerda para a direita, na horizontal. Parece algo simples e espontâneo, mas para que ele aconteça de forma adequada é necessário que a integridade visuoespacial esteja preservada. Essa habilidade, em boa parte dos disléxicos, encontra-se em déficit e necessita de muita estimulação para que os prejuízos sejam atenuados. É muito comum presenciarmos crianças e adolescentes fazerem uso de um dos dedos como apoio na hora da leitura. Felizmente, há uma série de técnicas que contribuem para uma leitura mais assertiva. Há também ferramentas que isolam o texto em linhas, a fim de que o leitor se concentre em uma linha por vez, possibilitando a ele, um maior foco e atenção durante a leitura, evitando que se perca no texto, pulando linhas ou palavras.

É importante lembrar que nenhum disléxico é igual a outro e algumas estratégias não podem ser vistas como receita infalível. É necessário avaliar caso a caso e verificar qual estratégia apresenta melhores resultados em cada situação. Há vários modelos dessas réguas (leitura de cada palavra isolada, de cada linha isolada, entre outras) à venda, os quais procuram atender às necessidades de cada criança, adolescente ou adulto.

A régua para leitura da foto é em EVA. Cada uma delas é desenvolvida de acordo com a queixa que o aprendente traz para realizar a atividade de leitura.


"Sua finalidade é auxiliar os alunos na fixação ocular tanto no espaço quanto na sequência visual, a régua ajuda na manutenção do movimento ocular durante a leitura e auxilia no desenvolvimento das estratégias de leitura." (ABD)


0 visualização

© 2023 por EU E A DISLEXIA.